2.2.09

Milhares de linhas em meia dúzia de palavras.




Na falta de um samba a dois me vi passeando e refletindo: quem se atreve a me dizer que ser o vencedor basta, ou que sendo menos que isso tá bom? A vida é feita de picos, de altos e baixos. O primeiro amor pode ser o último romance, nunca se sabe. Encontre-se em alguém, numa praia qualquer, no alto do sétimo andar ou num bosque. Mas a outra chance que você tanto queria pode estar mais perto do que você imagina. Antes de tudo encontre-se em você, seja o velho e o moço, projete mais e vá além do que se vê, o pouco que você sabe da vida pode ser o suficiente, só não demore para não acabar vendo somente o pouco que sobrou de uma conversa de botas de batidas. Melhor, faça assim: deixa o verão pra mais tarde, olhe para o lado de dentro e perceba que um par melhor que o seu coração não há. Conheça-se mais e entenda o motivo de tudo isso aqui. Encontre também um motivo para eu ser assim, um motivo que explique de onde vem a calma. E encontre.

11 comentários:

André Petrini disse...

Bacana, piá!
Vi vc crescer, mas nunca te imaginei escrevendo coisas bonitas assim!
Se um dia vc virar poeta e criarem uma praça pra vc, eu vou lá passar os finais de semana com a princesinha. =D

Du Camargo disse...

SEM COMENTARIOS, TEM PESSOAS QUE NASCEM COM AQUILO PRA LUA..VC É UAM DELAS, TE AMO PORRA!!!MEU IRMÃO MAIS QUE IRMÃO!!!

Nathi disse...

Agora eu sou sua acompanhante. Do blog.

Nathi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nicolle disse...

Fico feliz que isso aqui ainda exista!
Gosto um tanto quando voce junta palavras...

marie. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
marie. disse...

juro que já tentei fazer um texto assim, juro. hahahah :)

marie. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
marie. disse...

juro que já tentei fazer um texto assim, juro. hahahah :)

rafs disse...

mas que bosta, pizzão!

Dan disse...

Apenas digo q gamei nisso