2.9.06


NOTEPAD
...um expositor de divagações sobre momentos cheios e vazios.
Momentos cheios: Acusações, moléstias subjetivas à próximos, mensagens subliminares, trocadilhos maldosos ou premeditados, referências quase pornográficas, comédia da vida privada praticamente.
Momentos vazios: Referências sem real sentido, trocadilhos engraçados, poemas amorosos com um fundo vazio.
Somos uma bexiguinha, o mundo é o compressor que nos dá forma (cheia ou vazia). Momentos de inspiração são raros ? Discordo.
Momentos cheios são raros!
Momentos vazios estão mais próximos da inspiração do que um momento cheio. Um nível quase Victor de ser!
A diferença entre um momento cheio e um momento inspirado é basicamente contextual.
Como assim? Como, como assim ? Vou dar um exemplo.Um rapaz num momento INSPIRADO se declara para moça e a convida para ir ao cinema.
Ela aceita.Um rapaz num momento CHEIO se declara para moça. Esta implora desesperadamente para irem imediatamente para um motel trepar!
.
Agora ponha-se no seu lugar. Momentos inspirados são mentirosos, eles te levam a crer cegamente que está num momento cheio!
Não confiem nos meus momentos cheios, jamais! Tão pouco nos deles ali!

4 comentários:

YaCo-Cola disse...

Gabardo, tô começando a entender a dinâmica dos momentos. Concordo que variam de acordo com o contexto (que nada mais é do que o momento real, literal, em sua essência mais superficial). Não releve o fator "peso do discurso", se precisar releia Foucault e sua Ordem do Discurso. E aguardo com ânsias seu próximo parecer sobre os momentos.
*:

Nathi disse...

"legal"...

vc pediu, eu escrevi!
=P

Nathi disse...

tá...
vamos deixar um coment + completo! ;) [e vc ainda vai ganhar + 1!]
vc escreveu o texto qndo estava inspirado... seu momento de inspiração.
mas vc se contradiz dizendo q é um momento 'mentiroso'... =P
hãã, complexo d+...

eu acho q momentos de inspiração são verdadeiros, reais... ;)

;*

Belle disse...

Momentos cheios X Momentos inspirados. Interessante.